em Notícias

Eu queria que você conhecesse a história da Ana Clara, nossa aluna no Projeto Jurujuba.

Quando ela entrou no projeto, em 2016, apresentava grande dificuldade de concentração e cognição. Não reconhecia letras e palavras, sons correspondentes e cores aos 9 anos de idade.

Aluna Projeto socialSua dificuldade a deixava envergonhada diante das amigas e isso se tornava um peso na sua vida.Ficava encabulada quando não conseguia ler os mesmos livros que as outras meninas estavam lendo. Por isso, tentava chamar a atenção para outras coisas. Ela tinha uma grande dificuldade em manter o foco nas tarefas apresentadas e quase não participava.

Ao longo das aulas, com o auxílio da preceptoria, nos aproximamos da mãe da Ana Clara com a finalidade de acompanhar a realidade da aluna além dos dias de Projeto Jurujuba. Com o tempo, identificamos as dificuldades pontuais do processo de aprendizagem e fomos dando aulas especiais para ela, individualmente. Com o auxílio de uma pediatra e uma pedagoga voluntárias, conseguimos detectar um TDAH. Depois disso, investimos maior atenção no seu desenvolvimento cognitivo e na sua alfabetização.

Bailarina do Projeto Social JurujubaHoje a Ana Clara consegue ler e acompanhar as aulas de formação literária em grupo, desenvolvendo as atividades propostas na sala de aula para toda a turma. A mãe da Ana Clara é muito grata ao projeto e também se tornou aluna, frequentando a turma de Gastronomia.

Esse é apenas um dos casos de sucesso que temos no nosso Projeto. Convido você a ver alguns alguns depoimentos de mães de alunas e ex-alunas.

Postagens Recentes
71 famílias receberam 3 meses de cestas básicas